Bebê chorão... O que fazer? - Jornal Animal

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Bebê chorão... O que fazer?

Seções > Comportamento
A nossa web revista traz para você orientações de Tarsis Ramão, adestradora da equipe Cão Cidadão. Confira!

Você adotou um filhotinho e chegou o momento tão esperado: levá-lo para casa. Todos ansiosos, enxoval comprado, casa arrumada e, então, chega o filhote e junto com ele muitas dúvidas e inseguranças. A principal delas é: o que fazer se o meu novo filhote chorar à noite?




Primeiro, é importante entender o que se passa na cabecinha do pequeno peludo. Antes de ele chegar na sua casa, estava quentinho, com a mãe, os irmãos e, de repente, tudo muda. Por isso, é muito natural que esse novo ambiente seja um tanto hostil no início, o que faz com que ele chore nas primeiras noites ou em momentos quando está sozinho.

Porém, com algumas precauções, é possível evitar ou diminuir o chororô das primeiras noites. Confira algumas dicas:

• Se possível, ao comprar ou adotar um filhote, leve com ele uma toalha ou um paninho onde ele dormia com a mãe e os irmãos. Isso fará com que ele se sinta mais seguro.

• Um ursinho de pelúcia também pode ser colocado na nova caminha, para que ele não se sinta tão sozinho e fique mais confortável.

• Diferentemente do que muita gente imagina, pode ajudar muito se, nos primeiros dias, ele puder dormir, sim, perto da nova família, no quarto. Assim, ele se sente mais seguro, afinal, cães são animais que precisam ficar próximos ao grupo, principalmente nessa fase. Se ele é colocado afastado, chora e, com isso, ganha atenção. Ele pode aprender a chorar cada vez mais para ser atendido, causando problemas comportamentais no futuro.

• Se houver necessidade de o filhote dormir no seu “cantinho”, faça essa mudança de forma gradativa. Forçá-lo logo na primeira noite, normalmente, não dá certo. Assim que ele estiver mais acostumado ao novo lar, coloque-o no lugar onde deseja por poucas horas e vá aumentando esse período aos poucos, até que ele se acostume.

•  Se mesmo após todas essas precauções ele chorar, tenha calma! Evite broncas, pois, além de deixá-lo mais inseguro, ele pode entender a bronca como atenção e passar a chorar com maior frequência.

Assim como qualquer bebê, filhotes não costumam dormir por toda a noite. Dormem mais vezes, porém, por períodos mais curtos, que aumentam conforme eles vão crescendo.
Por isso, junto da caminha, você pode deixar ossos comestíveis, brinquedinhos e outras coisas que possam entretê-lo nos momentos em que ele estiver sem sono.
Com essas orientações e paciência, é possível deixar o seu novo amigo mais seguro, confiante e evitar noites mal dormidas para todo mundo.


Criada por Alexandre Rossi, a Cão Cidadão atua há mais de 15 anos com adestramento e comportamento animal. Oferece adestramento em domicílio, consultas comportamentais, além de uma agenda mensal de cursos e palestras. Tudo isso com muito amor e respeito. Para saber mais sobre a Cão Cidadão, entre em contato com a Central de Atendimento, pelos telefones (11) 3571-8138 (São Paulo) ou 4003-1410 (demais localidades). Acesse o site: www.caocidadao.com.br.


 
Busca
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal