Qual pet escolher? - Jornal Animal

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Qual pet escolher?

Seções > Cães
 
O Jornal Animal foi em busca das informações que você precisa para escolher que pet deve levar para fazer parte da sua família.
Vania Breim, presidente da União Cinológica Brasileira é quem explica para você.
Confira e, desde já, desejamos uma feliz escolha daquele que vai ser o seu amigo muito especial!


Queremos um Pet, qual escolher?

Várias famílias decidem por ter um animal de companhia, mas qual escolher? Hoje existem várias opções de animais criados para serem de companhia.
Os cães, os gatos que sempre foram os animais considerados como os melhores amigos, hoje disputam espaço com pássaros, mini coelhos, hamster, cobaias, cobras, iguanas e mais uma infinidade deles.
O importante ao pensar num companheiro é saber qual o tempo e espaço disponivel que terão para ele.

Cães são os que mais precisam da companhia do homem para serem felizes, ficam bem sozinhos apenas por algumas horas. Em segundo lugar os gatos, estes podem passar várias horas sem a presença dos donos e não se sentirem abandonados pois são muito independentes, mas também precisam e gostam muito de carinho. Já os que vivem em viveiros e gaiolas ficam muito bem sozinhos, desde que tenham água e comida para o período que assim estarão.

Vania Breim e Fila
Se a opção for mesmo cães ou gatos, verifique que existe diferença muito grande de comportamento e temperamento entre as diferentes raças, e para uma convivência adequada é preciso que se conheça bem as características e necessidades de cada raça.

Uma vez escolhido seu “pet”, é hora de fazer o enxoval, cada espécie exige um tipo de tratamento, nas grandes lojas exite uma infinidade de brinquedos adequados, e materiais importantes para manutenção dos mesmos fazendo com que a vida deles se torne mais segura e feliz no espaço que for destinado a cada um, vão desde simples aquecedores de pedras, arranhadores, até bebedouros e comedouros automáticos.
O importante mesmo é que a idéia de ter um companheiro traga pra casa alguém que seja e faça feliz, e não um problema causado por informações inadequadas de vendedores interessados apenas na venda e não no bem estar de todos.

Não posso deixar de citar os grandes problemas de saúde gerado por criação que visa apenas o ganho financeiro, portanto ANTES de comprar, pesquise bem sobre a raça, leia o padrão da raça, com diferença mínima de detalhes em qualquer lugar do mundo eles visam não só a conformação, mas também proteger a saúde de cada animal. Quando um padrão não aceita uma certa cor por exemplo, pode ser porque ela traga em sua genética sérios problemas de saúde. Existem raças e cores da moda, que são vendidos até por preços maiores por serem raros, por favor tomem cuidado com esta conversa, normalmente os “raros” não são os desejáveis pelos criadores que fazem seleção genética da raça e não apenas a reprodução da mesma. Essa é a grande diferença entre criadores sérios e os que visam apenas a venda dos filhotes.

O local da compra do seu novo amigo é importantíssimo também, estude a pessoa, se informe em sites de reclamação, não compre cães expostos em ruas ou locais onde fiquem expostos ao vento, Sol, e contato direto com quem passe, pois a imunidade dos BBS baixa muito em locais assim e eles podem apresentar várias doenças nos dias a seguir. Também é muito importante que se faça um contrato de compra e venda, assim como carteira de vacinação ou relatório de remédios e vitaminas que tenham tomado até aquela data.
Num próximo artigo vou explicar sobre a importância do pedigree.

Vania Breim e Schnauzer
 Vania Breim, juiza All Hounder da União Cinológica Brasileira e Alianz Canine Worldwide. Titular do canil O'BREIM. Presidente da União Cinológica Brasileira. Handler com carreira internacional. Vania Breim Cursos sobre Cinofilia.
 
 
 
Busca
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal