Netinho de Paula - Jornal Animal

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Netinho de Paula

Celebridades > N - O - P - Q
Netinho de Paula na Casa da Gente...

Carapicuíba & Santo Amaro:
Filho de Dona Romilda e de “seu” Eduardo, Netinho de Paula nasceu em Santo Amaro em 1970 e com um ano de idade veio morar na Cohab de Carapicuíba.
Netinho sorri com o seu jeito simpático e nos diz que com 11 anos foi para Santo Amaro, ficando até 1989, mas não resistiu e acabou voltando para a sua querida Carapicuíba.

O Primeiro Cachorro:
“Nós tínhamos um cachorro que era o Barão, idolatrado por todos.”
Netinho comenta, brincando sobre a paixão do avô José de Paula pelo animal:
-“Dava raiva porque meu avô gostava mais do Barão do que de mim... O Barão ele não mandava fazer nada, mas eu tinha que fazer tudo...O Barão era o grande companheiro dele!”

Os Cachorros no Sítio:
No sítio onde mora a vovó Conceição, avó materna de Netinho, também moram Harus, um rottweiler e Xodó, uma akita.

A Cachorra em casa:
Iaiá, a poodle que mora na casa de Netinho, segundo ele “é uma estrela, é elétrica demais, adora correr e quer atenção o tempo todo...”
Ele nos conta: -“Estávamos preocupados porque ela estava doente há um tempo atrás, era alguma coisa no útero...”
Netinho nos tranquiliza dizendo “que agora está tudo bem, ela está sendo cuidada e segundo o médico veterinário que a atende não é nada grave”.
Iaiá vai fazer dois anos e quem mais cuida dela é Dona Alzira, que trabalha como governanta. No final de semana, Iaiá vai para a casa de Dona Alzira.
Segundo Netinho, “Iaiá quer ficar no gueto e não em Alphaville...”

O Tempo para Iaiá:
Apesar da intensa vida artística, ele adora curtir a cachorrinha.
De manhã, quando Netinho vai tomar o seu café no quarto, Iaiá não perde tempo e sobe com Dona Alzira.
Mal a porta se abre já vai pulando na cama, lambendo e acordando o seu dono.

Os Cuidados com ela:
Ração adequada, Médico Veterinário, Pet Shop toda semana, “tomando banhinho, colocando lacinhos diferentes...Iaiá é metida!!!”, completa Netinho...

O que é cuidar bem de um animal:
“Cuidar bem de um animal é a divisão da palavra carinho.Se você é uma pessoa carinhosa, uma pessoa amorosa, não importa qual seja o ser, você sempre vai ter carinho pra dar!”.
Netinho completa dizendo uma coisa também muito importante:
“Cachorro é diferente porque mesmo que você não seja carinhoso com ele, ele dá carinho. Ele procura você para dar carinho. Então, é uma relação de troca, de companheirismo que não tem jeito, você se apega...”
Uma Pergunta: - O Ser Humano, de uma forma geral, tem cuidado bem dos animais?
Netinho responde, com expressão séria:
“Se eu for analisar pelo que eu vejo,principalmente nas periferias, hoje muito menos. Apesar de que o pobre tem uma característica, onde come um, comem cinco, comem dez.. Ele divide o pouco que tem com o cachorro, não deixa a comida ir para o lixo, pega ali o que sobra e dá. O rico é um pouco diferente, tem mais a ver com a exibição, de mostrar o cachorro para os outros. Não significa que ele tem tanto amor, ele quer mostrar o poder que ele tem. É o status, mas...com a situação que estamos vivendo hoje de desemprego, com o arrocho salarial, é muito difícil as pessoas pararem para dar atenção para os animais. Por isso que eu acho que está em baixa.”

Como é o Netinho de Paula:
“Um cara muito tranqüilo, comum, normal. Na maioria das vezes, sou bem humorado, mas para mudar de humor também é muito rápido. É aquela coisa de quem é do gueto, mesmo. Sorriu...eu estou sorrindo, abriu os braços eu estou abraçando, mas chamou pra briga, eu estou dentro...Não tem jeito, eu sou assim, mas de uma forma geral eu sou tranquilo, na medida do possível!

Os 1.200 filhos na Casa da Gente:
Nós temos uma ONG (Organização Não Governamental) que é o Instituto Casa da Gente, que já atua há 8 anos com crianças em situação de risco. Essa ONG surgiu exatamente porque eu cresci fazendo parte uma ONG, a chamada Casa da Juventude e que foi o grande diferencial da minha vida. Os amigos que comigo puderam participar da ONG se não são famosos, pelo menos são bons maridos e foram bons filhos. Os que não puderam participar, uma grande maioria já morreu e outros estão presos.
Uma ONG consegue contrariar as estatísticas e foi com esse conceito que quando eu montei o Negritude Junior e tive uma condição financeira, eu montei a minha própria ONG.
Hoje nós atendemos a 1.200 crianças, em 2 unidades, em Carapicuíba e no Parque Ipê, nos bairros onde eu respectivamente eu cresci.
Nas 2 unidades nós oferecemos atividades como esporte, teatro, dança, música, fora complemento educacional e alimentar. A gente pretende até o final do ano estar atendendo a 3.000 crianças numa sede própria que está sendo construída.
A obra vai terminar agora em Julho e nós tivemos uma grande ajuda do BNDS, com um investimento de cerca de 2 milhões de reais.

Os filhos na Casa do Netinho:
Netinho nos conta: “Eu tenho filhos e não são poucos. São 7: a Dandara, que é a mais novinha está com 4 anos, a Ágata tem 10 anos, o Eduardo, 11, o Vinicius tem 12, o Levy, 15 e os gêmeos Jackson e Edson completam em novembro, 19 anos.
A Iaiá é o cachorrinha de todos eles. Acho que é por isso que ela é elétrica desse jeito. Criança corre sem parar... então é uma festa!”

O que Netinho ainda não fez e pretende fazer:
“Ao longo desses meus 33 anos eu me sinto uma pessoa realizada. Sair de onde eu saí e chegar aonde eu cheguei, ter o meu programa, ter esse projeto social, tocar as minhas empresas, as franquias, a marca, é pra gente se sentir realizado mesmo.
É que quando a gente realiza, sempre tem um sonho a mais. Aliás, só se para de sonhar, quando se morre.”
Netinho agora está trabalhando com cinema. Está produzindo um longa:
“Acabamos de fechar um contrato com a Sony. É a história de um grupo de amigos da periferia que toma o poder da quarta maior emissora de TV do país. Em menos de 3 mêses, eles passam para o primeiro lugar de audiência, mas tudo isso através de um ato ilícito, de um seqüestro da filha do presidente.
Eu vou atuar como ator e co-diretor e é uma história que nós estamos acreditando muito. Esse é meu sonho, ainda para esse ano.”

Na Faculdade:
Nesse mês de Abril, Netinho começa a fazer a Faculdade de Ciências Políticas:
“Já é uma coisa que eu trabalho, o perfil do que eu faço na televisão, já é o que presido na ONG, então é uma maneira de você se aprofundar um pouco mais nos temas, buscar mais a essência do porque da situação atual e tentar alternativas para mudar.”
Perguntamos então: Está nos planos uma carreira política?
Netinho afirmou que tudo o que ele faz mostra que já está agindo politicamente .
Ele acredita que uma carreira política, “É um caminho, acho que até inevitável pela minha maneira de ser, de não ficar só questionando, de querer por a mão na massa. Mas hoje, se eu fizesse isso eu estaria cometendo um grande engano porque eu tenho um longo caminho a percorrer ainda em termos de televisão e a carreira política acabaria inibindo tudo isso.
Você passaria a ser mal visto e os espaços que eu tenho pra fazer o que eu faço, principalmente da inclusão raça negra, eu não teria, se eu fosse um político”.

Netinho daqui a 10 anos:
“Eu não me imagino. Não sou de ficar olhando para trás, para o que eu fiz. Não fico imaginando essas coisas assim. O que eu quero, em termos de futuro, é só deixar uma boa condição de vida para os meus filhos. Se eu conseguir atingir a velhice, se não acontecer algo antes, eu não quero depender de ninguém. Quero ter o meu cantinho pra ficar tranqüilo, sem dar trabalho para os meus filhos, sem ter que pedir nada pra ninguém.
Eu cuido dessa minha juventude hoje, sempre de olho no que pode acontecer comigo no futuro. Quero ter a consciência tranqüila de que fiz o bem para as pessoas e de que não fiquei devendo nada pra ninguém. Se eu estiver assim daqui a 10 anos, está ótimo.
Eu amo onde eu moro, mas se pudesse escolher um lugar, acho que seria Santos, que é um lugar bacana para quem quer tranqüilidade. “

RECADOS

De Netinho para Você, Leitor:
“As pessoas que tem esse dom de gostar de animais já são pessoas especiais. Não é todo mundo que nasce com o dom de dividir carinho com um animal que às vezes você viu na rua e se apaixonou sem ter o porque.
Que você continue praticando esse ato. Eu acho que Deus deve ficar contente quando alguém resolve se dividir, ajudar, seja com quem for, até com um cachorrinho.
Um beijo para você, leitor e também um para cada animal que você cuida!”

Do Jornal Animal para Netinho:
Você tem o mais maravilhoso sorriso que é o sorriso da alma. A busca do espaço para o Artista significa às vezes caminhar por entre muitas pedras e quem consegue caminhar por entre pedras e depois distribuir carinho e atenção para todos, talvez tenha atingido um dos mais altos graus de entendimento do que significa viver e conviver. Parabéns. Um forte abraço, amigo!

Do Jornal Animal para você:
Nós temos sempre que agradecer você, leitor. Quando saímos em busca de entrevistas para o nosso Jornal, temos o prazer de conhecer tanta gente boa como o nosso querido Netinho de Paula.
...E você nos dá esse belo presente, que é acompanhar nossas entrevistas até o último ponto final ou a última exclamação. Até a próxima!

Sergio Valério


 
Busca
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal