Lugares pet friendly - Jornal Animal

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Lugares pet friendly

Seções > Notícias > Parte 2
Lugares pet friendly são uma tendência
Levar o pet para o trabalho pode ser um sonho, mas é preciso cuidado

Cada vez mais, as empresas têm investido em ambientes de trabalho pet friendly, ou seja, que aceitam a presença de pets, como cães, durante o expediente. O modelo tem ganhado diversos adeptos por trazer inúmeros benefícios, tanto para a empresa como para os funcionários.

A presença de cães nos escritórios ajuda a reduzir o estresse do ambiente, além de tranquilizar muitos donos de pets ao solucionar uma dúvida bastante comum: Será que meu cãozinho sofre quando fica sozinho em casa? - explica a especialista em comportamento canino Livia Romeiro, do Vet Quality Centro Veteriário 24h.

Os Lugares Pet Friendly têm ganhado espaço nos ambientes de trabalho. Embora a prática ainda não seja muito comum em empresas maiores, por questões que vão de segurança à exigências do condomínio corporativo, os funcionários de quatro patas têm ganhado cada vez mais espaço.

Os principais praticantes são os escritórios de coworking, local onde profissionais autônomos e prestadores de serviços de diferentes empresas dividem o mesmo espaço. De acordo com uma empresa especializada em espaços compartilhados, em cerca de 25% destes escritórios os pets são permitidos.

Se a sua empresa permite que você leve o cãozinho para trabalhar com você, aproveite este benefício, mas antes, é importante estar preparado e garantir alguns itens básicos para tornar este dia de trabalho perfeito, afirma Livia.

Confira 5 itens essenciais para levar um cão a um escritório ou lugar pet friendly:

Itens de higiene e limpeza
É importante dar uma voltinha com o cãozinho antes de entrar no escritório, assim ele poderá fazer as suas necessidades tranquilamente. Mas garanta que não haja nenhum problema em caso de emergência: leve sacolinhas, jornal ou tapetes higiênicos para manter o ambiente limpo.

Lugares Pet Friendly, não esqueça a comida
Se o animal de estimação tiver o costume de se alimentar durante o dia, é importante levar a ração, assim o cãozinho não terá mudanças muito drásticas em sua rotina. Não se deve esquecer de levar o potinho para colocar a comida, além de um potinho para a água.

Brinquedos
Durante as primeiras horas de expediente, é possível que o cão seja a atração da empresa e todos queiram brincar com ele e fazer carinho. Depois de algum tempo, os funcionários terão que retornar às suas rotinas – assim como seu pet.
Para garantir que o cãozinho não fique entediado, leve alguns brinquedinhos com os quais ele está acostumado a brincar, como ossos e bolinhas. Evite brinquedos que incomodem seus colegas de trabalho, como os que fazem barulho ou exigem muita interação humana.

Cama ou roupas do seu animal de estimação
Um cachorro saudável dorme entre 12 e 14 horas por dia – por isso, é normal que ele queira tirar um cochilo enquanto o tutor trabalha. Garanta o conforto dele, levando sua caminha e objetos como cobertores ou mantas.

Coleira e guia
Se o cão ficar mais agitado em algum momento, faça um curto passeio no meio do expediente. Para isso, não se esqueça da guia e da coleira  – além de garantirem a segurança do cãozinho, é provável que o condomínio exija que o ele circule pelo prédio desta forma.
Além dos itens essenciais para a visita de um cão a uma empresa pet friendly, também é importante ficar atento a algumas dicas que vão facilitar este dia.

Dicas para levar o cão ao escritório em uma data adequada

Confira o calendário
Antes de levar o cãozinho para o trabalho, cheque com as equipes responsáveis quais são os dias em que a presença de pets é permitida. As regras podem variar de empresa para empresa, e é fundamental seguir as normas estabelecidas.

Tenha certeza que o cão é sociável
A política pet friendly é muito boa para qualquer empresa, mas é fundamental que você o cão esteja apto para ter esse tipo de convívio. Tenha certeza que o cão é dócil, amigável e não tem comportamentos agressivos antes de levá-lo para um local que vai tirá-lo de sua rotina.

Conheça as normas do condomínio
Se a empresa for em um condomínio corporativo, é possível que o espaço seja dividido com outras companhias. Por isso, confira quais são as exigências do condomínio para circulação de pets, como mantê-lo na coleira nas áreas comuns ou o acesso correto pelo elevador.

Avise seus colegas de trabalho com antecedência
Mesmo que seu escritório seja um lugar pet friendly, é importante checar com os colegas de baia, que se sentam próximos, se algum deles vê problema em trazer um cachorro para o escritório.
Cheque se alguém tem alergia ou medo de cães, por exemplo. Aproveite para avisar sobre o comportamento do cãozinho e possíveis recomendações, como não oferecer alimentos ao seu cachorro sem antes checar a possibilidade.

Conheça as áreas permitidas dentro da empresa
Confira com as áreas responsáveis por onde que o cãozinho pode circular dentro da empresa. Normalmente, animais de estimação não podem ficar em locais como cozinhas, refeitórios ou banheiros, por questões de higiene.
Não esqueça de levar o cão a uma consulta em uma clínica veterinária antes de levá-lo para um dia divertido na empresa.
 
Busca
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal