Paola Antoniassi - Porquinha Schinny - Jornal Animal

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Paola Antoniassi - Porquinha Schinny

Seções > Entrevistas > Profissionais > Pág. 02
A bióloga Paola Antoniassi nos fala sobre a bela Porquinha da Índia Sckinny. Vamos lá?

1. Qual é o tempo de uma mamãe Porquinha da Índia Sckinny até ela ter os seus filhotes?
R: De 58 a 72 dias, em média.

2. Qual é a alimentação adequada que se deve oferecer para ela, no período de espera dos filhotes?
R: A alimentação da vida do porquinho deve ser bem feita na verdade, não só no período gestacional. Rações de ótima qualidade, com fibras longas para assim fazer uma melhor digestão, quantidade correta de vitamina c (oxida em luminosidade, logo embalagens transparentes não são funcionais). Bastante verduras verde escura e também capim. Frutas podem ser oferecidas também, as mais doces são bem aceitas. legumes também entram nesse cardápio (abobrinha, pepino, cenoura etc). Água sempre fresca e filtrada. Maior porção de in natura do que de ração.

3. Quantos filhotes costumam nascer?
R: A quantidade de filhotes depende muito do porte da fêmea e estado geral do animal. Geralmente, 3 a 4 filhotes.

4. Quais são os cuidados que se deve ter com os filhotes?
R: Esses bebês são sensíveis e vulneráveis. Manter sempre aconchegante o espaço. Feno, algumas tocas, brinquedos, cobertores de soft. Limpeza é fundamental! Tocas para que a mãe e os bebês se sintam calmos. Local sem barulho e pessoas passando o tempo todo. Espaço! Nada de gaiolas pequenas. Dê espaço a eles. Lembrando que são sckinny´s, atenção à pele e ao frio com esses pequenos!

5. Quais são as condições adequadas para uma  Porquinha da Índia Sckinny viver, quanto ao espaço, alimentação, entre outras questões?
R: O local ideal é o maior espaço possível! Eles gostam de explorar e interagir com o tutor após o período de adaptação e se o manejo estiver de acordo. Sckinny´s tem necessidades diferente dos outros espécimes, necessitam atenção à pele. Banhos e hidratação com produtos hipoalergênicos.
Por não possuírem pelos, cuidado com corrente de ar após o banho e em épocas frias (redobre os cuidados com limpeza, pois eles tendem a ficar mais entocados e troque mais vezes as cobertas de soft) Colocar cobertas dentro de algumas tocas também fica bem confortável. Todo e qualquer animais precisa de enriquecimento (brinquedos, estruturas diferente de acesso (por exemplo, ampliar espaço com tocas comestíveis, com andares, etc, para explorar). A alimentação é a mesma citada.

6. Existe diferença de comportamento entre machos e fêmeas, Porquinhos e Porquinhas da Índia Sckinny?
R: Existe personalidade individual de cada exemplar, assim como nós. Tem animais que aceitam mais carinho, outro nem tanto. Alguns se destacam por serem extremamente sociais e outros não. Nisso temos dois pontos: personalidade e manejo. Aquele porquinho que vive maior tempo solto, interagindo com o tutor e todas da casa terá mesmo uma personalidade mais singular comparada aos que vivem presos e só interagem quando o tutor quer. Isso independe do sexo. Mas sabemos que os machos são dominantes por território. Fêmeas que vivem sozinhas por algum tempo também são. Então procure orientação se já tiver um adulto vivendo sozinho há algum tempo, antes de colocar outro.

7. Quanto tempo vive uma  Porquinha da Índia Sckinny?
R: Em média 4 a 9 anos.

8. A Porquinha da Índia Sckinny convive bem com outras e outros da mesma espécie?
R: É o que falamos acima, depende do manejo, tempo de vida, personalidade.

9. Para se ter uma  Porquinha da Índia Sckinny é preciso alguma autorização especial?
R: Não. Não é um animalzinho que precise de autorização do IBAMA. O que é preciso é saber as necessidades e atender, estar de acordo com os gastos de estrutura que ele precisa, afinal ele será um membro da família e merece respeito, amor e cuidados.

10. O que você diria para os internautas da web revista pet Jornal Animal que gostariam de ter uma Porquinha da Índia Sckinny?
R: Sou suspeita porque amo porquinhos!! Digo que são encantadores, graciosos, inteligentes e lindos!! Reforço que precisamos ter a estrutura necessária e manejo. Bem estar animal é regra.
Editor: Sergio Valério
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal