O Drible - Jornal Animal

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

O Drible

Colecionador > Parte 5
Sergio Valério
 
O Drible é a grande mágica do futebol e o menino Ronaldinho aprendeu esta arte nos infindáveis treinos com o seu inseparável amigo, o cachorro Bombom.
Bombom era o único que suportava ser driblado insistentemente por Ronaldinho e ainda latir, alegre como sempre...
Num mundo onde encontramos muitas pessoas que não fazem o que gostam, é um verdadeiro prazer vermos quem apaixonadamente exerce a sua profissão.
Ronaldinho é a própria imagem da alegria, da simplicidade, que os incontáveis euros não conseguiram apagar, pois se de seus pés o drible sai tão fácil, dos seus lábios o sorriso sai mais fácil ainda, além de vir completo em sua sinceridade.
Ele é a inspiração para todos nós, brasileiros, que tentamos em toda a nossa vida, driblar a desesperança e torná-la esperança, mesmo vendo todos os dias, parte dos nossos políticos insistindo em fazer do Brasil o seu próprio negócio.
Ronaldinho, continue driblando sempre, nesta e em outras tantas Copas que forem possíveis você estar presente para que, através de você, continuemos a acreditar que um dia o nosso país seja capaz de fazer um gol maior que possa afastar toda a impunidade que se vê e se lê nos noticiários dos jornais.
Bombom, onde você estiver, continue com a sua pureza, sorrindo para os queridos dribles do seu eterno amigo Ronaldinho e saiba que você cumpriu à risca a frase que diz que o cachorro é o melhor amigo do homem.
Para você que nos lê agora, saiba que a partida não está perdida, pois aos 44 minutos do segundo tempo ainda poderemos virar o jogo e transformar a nossa história não só em um Hexacampeonato, pois este poderá se fazer pela arte dos nossos Ronaldinhos, mas sim na vitória maior que fará do nosso Brasil, um país onde o verde, amarelo, azul e branco, não seja manchado pelo vermelho do molho de tomate das pizzas que tentam nos fazer engolir todos os dias.
 
Busca
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal