Daniela Furlan - Jornal Animal

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Daniela Furlan

Seções > Fotógrafos
DANIELA FURLAN
Conheça mais, nesta entrevista, sobre esta excelente fotógrafa profissional, especializada em animais e pets.
 
1. Daniela Furlan, você nasceu em que cidade e estado?
R. Sou de São Paulo, capital.

2. Você tem animais? Como eles são e como se chamam?
R. Já tive todo tipo de animais! Pássaros, coelho, hamster, tartaruga, peixes...hoje tenho dois cachorros, um vira-lata chamado Leo e uma Golden Retriever que se chama Blenda. Ambos têm 10 anos de vida! Eles agora não estão morando comigo, então pretendo adotar um cachorro e um gato em breve!

3. Você se lembra de um fato interessante que aconteceu quando você fotografava um pet?
R. Ah, muitos! Os cães são muito engraçados e divertidos! Com a espontaneidade natural deles, tudo pode acontecer! Já fizeram xixi no cenário, lamberam minha lente, alguns dormem durante a sessão de fotos. Já derrubaram o equipamento e inclusive já fui derrubada em acessos de brincadeiras! Um caso que foi bastante engraçado foi de um Golden que estava fazendo fotos em comemoração aos seus 10 anos e para ilustrar havia balões e um bolo com velinhas. Ele ficou obediente e paciente enquanto preparava a câmera, mas quando nos distraímos um segundo, ele atacou o bolo e não houve tempo de salvá-lo intacto para as fotos! Ele ficou com o focinho todo sujo e não parava de se lamber! No fim, o resultado ficou ótimo!

4. O que os animais significam para você?
R. Essa é uma pergunta muito difícil. Não sei ao fundo respondê-la. Tenho paixão e um sentimento muito profundo e empático com todos os animais, os respeito e admiro muito. Acho a natureza fantástica e me sinto muito privilegiada de poder trabalhar com pets. Meu sonho é poder fotografar e registrar todo tipo de animal, até os mais exóticos e selvagens. Já fotografei um tigre e foi muito gratificante!

5. Quando surgiu a ideia de fotografar pets?
R. Fiz uma mudança muito drástica de carreira quando resolvi me tornar fotógrafa profissional. Queria investir em algo que não fosse tão comum no mercado, algo que eu pudesse me destacar. Quando era somente um hobby, já adorava fotografar animais e houve um momento que precisei decidir qual nicho do ramo da fotografia iria me especializar primeiro e eu já fazia isso de forma natural e, segundo conhecidos e amigos, muito bem. Já trabalhei como pet sitter e dog walker e sempre me interessei e estudei temas de comportamento e aprendizado animal. Então, só deixei que as coisas fluíssem e no devido momento, me preparei profissionalmente para isso.

6. O que é preciso para ser um fotógrafo de pets?
R. Amar animais é evidente. Mas, acredito que o principal seja agilidade e muita paciência! A maior parte absoluta dos animais que fotografo não são treinados para isso e mesmo que sejam, exigem que o clique seja rápido e feito no momento certo. É preciso astúcia no olhar e sensibilidade para envolvê-los com o que você está fazendo. Feito isso, eles chegam até a posar para você!

7. Qual animal você ainda não tem, mas que gostaria de ter, um dia?
R. Essa é outra pergunta bem difícil. Ah, por vontade eu teria um santuário animal com muitas espécies, de todos os tipos! Ainda não tive um gato, pretendo adotar um em breve! Um animal selvagem que eu teria se fosse possível seria um macaquinho!  

8. Conte-nos sobre os seus projetos, o que tem realizado.
R. Hoje tenho o estúdio onde produzo pet books e ensaios fotográficos com animais. Nele também atendo foto still e publicitária de produtos e serviços para o ramo pet. Também faço constantemente cobertura de eventos desse mesmo público. Tenho alguns planos para workshop de fotografia de animais, não só com profissionais, mas também para pessoas que desejam aprender truques e técnicas básicas para fotografar seus próprios bichinhos. Quero fazer também exposições sobre temas de inclusão para adoção responsável e que sensibilizem as pessoas sobre as necessidades de proteção animal.

9. Que mensagem você enviaria para os (as) internautas que estão lendo a sua entrevista?
R. Venham conhecer o FOTOGENIA PET, será um prazer apresentá-lo a vocês! Esse projeto nasceu não só do meu amor pela fotografia, mas também do desejo de mostrar olhares mais profundos para todos os animais, que tornam desde sempre nossa vida muito melhor. Se você, assim como eu, os ama, respeite, cuide e proteja-os. Como vemos o tempo todo, não há limites para a maldade humana e quanto mais pessoas se importarem e fizerem nem que seja um pouquinho para ajudá-los, seja uma simples denúncia, por exemplo, o mundo será muito melhor para eles e também para nós. Hoje cada vez mais as pessoas se mobilizam para as causas animais e ambientais e isso é incrível! Mas não custa lembrarmos que sempre há muito mais o que fazer!

DANIELA FURLAN
Fotógrafa profissional especializada em animais e pets. Estúdio em São Paulo/SP.
Acompanhe seu trabalho em www.danielafurlan.com.br.
 
Busca
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal